Segunda, 2 de Abril de 2018
Sábado, 7 de Abril de 2018
todo o dia
 
Imprimir
Fechar
Vários espaços
Duração: 1 semana
Público alvo: a partir dos 8 anos
   


XXIII Estágio de Dança de Aveiro 2018
Victor Hugo Pontes 

   
O XXIII Estágio de Dança de Aveiro, com curadoria do coreógrafo Victor Hugo Pontes (pelo segundo ano consecutivo), decorrerá entre 2 e 7 de Abril de 2018, no Teatro Aveirense.  
 
Pensado enquanto projecto de continuidade com a programação da edição anterior, este Estágio de Dança pretende dotar os participantes de diversas ferramentas técnicas e criativas, de modo a amplificar as suas capacidades e enriquecer a sua linguagem artística.  
Será realizada uma formação mais intensa, condensada numa semana de trabalho, e haverá um contacto mais estreito com os formadores e com as suas técnicas.  
 
O Estágio de Dança ocorre em dois momentos distintos:  
- Um primeiro momento dirigido a estudantes de dança, composto por aulas técnicas de dança clássica, dança contemporânea, teatro (formação que Victor Hugo Pontes considera fulcral no percurso dos bailarinos, e que vai ao encontro do caminho artístico que tem traçado – a exploração das fronteiras entre dança e teatro, movimento e palavra, texto escrito e partitura coreográfica) e laboratórios criativos, orientados por diferentes formadores de reconhecido mérito.  
Os participantes estarão divididos em quatro grupos de acordo com a faixa etária: 8-9 anos; 10-12 anos; 13-15 anos; maiores de 16 anos*.  
 
- Um segundo momento, dirigido a bailarinos profissionais ou estudantes de dança avançados (a partir dos 16 anos), com um workshop de movimento Gaga e repertório Ohad Naharin, orientado por Maya Tamir, formadora certificada de movimento Gaga e ex-bailarina da Batsheva Dance Company (Israel).  
Depois do êxito na edição de 2017, este workshop dará continuidade à formação em técnica Gaga iniciada no ano passado, e integrará novos participantes.  
 
Fará parte do programa a mostra dos projectos seleccionados em Open Call, aos quais foram atribuídas bolsas de criação: RESPIRAR RESPIGAR de Catarina Saraiva, David S. Costa e Luís Duarte Moreira e SOLO de Deeogo Oliveira e Manuel Tur e também a estreia do capítulo #happiness do projecto Uma Não História de Victor Hugo Pontes.  
O Estágio de Dança culminará com a apresentação pública do resultado dos laboratórios criativos, no Teatro Aveirense.  
 
Nota:  
*Maya Tamir, convidada internacional e professora de movimento Gaga, irá orientar também o laboratório criativo do grupo com maiores de 16 anos, que será dirigido em inglês.
 
 
Preço:  
Estágio – 90 euros  
Workshop Gaga – 130 euros  
(dirigido a bailarinos profissionais ou estudantes de dança avançados com mais de 16 anos)  
(Pedido da ficha de Inscrição e envio de CV por e-mail para agenio@cm-aveiro.pt)  
 
Horários:  
de 2 a 7 - Estágio  
(das 9h45-13h00 e das 14h30-17h30)  
de 2 a 6 - Workshop GAGA para bailarinos  
(18h30-21h30)  
 
Descontos:  
20% para:  
Alunos de Escolas de Dança do Concelho de Aveiro  
2 ou mais membros do mesmo agregado familiar  
Inscrições até dia 25 de março  
 
Descritivo das técnicas e laboratório  
DANÇA CLÁSSICA | LEONOR CARNEIRO  
Grupos 1 (8 e 9 anos) e Grupo 2 (10 – 12 anos)  
Workshop com ênfase numa abordagem consciente do movimento, apelando a uma maior compreensão e conhecimento do corpo, o que contribuirá para o aprimoramento da Técnica de Dança Clássica.  
 
DANÇA CLÁSSICA | THERESA DA SILVA C.  
Grupos 3 (13 – 15 anos) e Grupo 4 (maiores 16 anos)  
Técnica de Dança Clássica abrangendo a técnica Vaganova e vários outros estilos de dança que se possam desenvolver e dançar numa aula de ballet clássico com o propósito de ter um movimento mais amplo, técnico e artístico.  
 
DANÇA CONTEMPORÂNEA  
ANDRÉ CABRAL e ELISABETE MAGALHÃES
 
Grupos 1 (8 e 9 anos) e Grupo 2 (10 – 12 anos) | Elisabete Magalhães  
Grupos 3 (13 – 15 anos) e Grupo 4 (maiores 16 anos) | André Cabral  
Nesta corrente expressiva que é a dança contemporânea, tenta-se evitar conceitos e movimentos estereotipados, deixa de haver meros executantes e passam todos a ser criadores de novos modelos. O movimento é enriquecido pela personalidade da pessoa que o produz reflectindo as suas experiências artístico culturais.  
Nesta técnica o corpo é o instrumento da dança, que apresenta o grande potencial da comunicação e virtuosismo.  
 
TEATRO  
SARA BARROS LEITÃO e VICTOR HUGO PONTES
 
Grupos 1 (8 e 9 anos) e Grupo 2 (10 – 12 anos) | Sara Barros Leitão  
Grupos 3 (13 – 15 anos) e Grupo 4 (maiores 16 anos) | Victor Hugo Pontes  
Partindo do cruzamento entre a expressão do gesto em movimento e a palavra, procurar-se-á, através do improviso dirigido, extrair, tanto da criatividade em grupo como da individual, sentidos interpretativos, exploração de emoções e dinâmicas do jogo teatral. Exercitará ainda nos alunos a escrita individual para cena e o trabalho prático sobre esse material.  
 
LABORATÓRIO DE CRIAÇÃO  
Grupo 1 (8 – 9 anos) | Cátia Esteves  
Grupo 2 (10 – 12 anos) | Victor Hugo Pontes  
Grupo 3 (13-15 anos) | Elisabete Magalhães  
Grupo 4 (maiores 16 anos) | Maya Tamir  
Laboratório de Criação será um espaço de exploração e experimentação, tendo como ponto de partida a linguagem de cada coreógrafo, desmistificando o seu processo criativo. Trata-se de um laboratório altamente experimental, cujo resultado será em grande medida definido pelo contributo dos participantes face às propostas dos coreógrafos. Terá uma apresentação pública no último dia do estágio.  
 
Workshop GAGA para bailarinos  
Workshop de movimento Gaga e repertório Ohad Naharin, dirigido a bailarinos profissionais ou estudantes de dança avançados (a partir dos 16 anos), orientado por Maya Tamir, formadora certificada de movimento Gaga e ex-bailarina da Batsheva Dance Company (Israel). A alternância de movimentos habituais com instruções Gaga oferece novos desafios aos bailarinos, e ao longo da aula o professor encoraja os participantes a visitarem locais e formas de movimento menos familiares. As aulas Gaga para bailarinos aprofundam a percepção dos bailarinos sobre as suas sensações físicas, alargam a sua paleta de opções de movimentos, aperfeiçoam a sua capacidade para moldar energia e soltar o seu poder explosivo, e enriquecem a qualidade de movimentos com um campo mais alargado de texturas.  
    Fechar